segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Há mais programas sobre futebol numa semana do que jogos de futebol...

Segundo um estudo realizado por uma entidade independente, dos 48 programas de televisão que abordam o universo do futebol, apenas um fala sobre futebol, isto apesar do adepto comum não compreender nada do que lá se diz. O programa em causa "Grande Área", da RTP Informação, tem o mérito de ser o único programa sobre futebol que aborda o tema propriamente dito mas, segundo os telespectadores inquiridos no âmbito deste estudo, quem está em casa não compreende nada do que diz Carlos Daniel. "Linhas intermédias", "jogo interior", "espaço entre linhas", "duplo pivô", "médio de contenção" e "linhas baixas" surgem como os exemplos de linguagem encriptada que ninguém percebe. Quanto a Bruno Prata, os telespectadores alegaram que é difícil ouvirem o que diz o jornalista, tendo em conta a quantidade de perdigotos que saem da sua boca durante uma simples frase. Quanto a Manuel José, os telespectadores confessaram que ao fim do vigésimo "ãh", durante a explicitação de uma - vá lá - "ideia", já não estão a ouvir o técnico.   

Jesus pode dar o salto para a Nutribalance

Desengane-se quem pensava que Jorge Jesus tinha gasto todos os trunfos durante a partida que opôs o seu Sporting ao seu Benfica. Com efeito, no pós match - e já na sala de imprensa - o técnico leonino garantiu que, se quisesse, era capaz de pôr Rui Vitória assim. Impressionada pela capacidade de Jorge Jesus, a Nutribalance já se mostrou interessada nos serviços do treinador verde-e-branco e está disposta a abrir os cordões à bolsa. Pedro Guerra reagiu de imediato e prometeu para breve o draft do contrato de Jorge Jesus com a famosa empresa de emagrecimento.