quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Crato deu hoje gorjeta de 20 Euros a empregado de mesa que já foi professor

Num gesto simbólico de quem quer dar o primeiro passo para fazer as pazes com os professores, o ministro Nuno Crato deu e/ou devolveu hoje, dia da realização da Prova de Avaliação de Conhecimentos e Capacidades para professores com menos de cinco anos de serviço, uma gorja de 20€ a um empregado de mesa que já foi professor e que o serviu num restaurante da Baixa. Crato disse mesmo que "ele tinha imenso jeito para servir à mesa, sabia línguas estrangeiras, contas de multiplicar e o teorema de Pitágoras de trás para a frente". O ministro referiu também que tem ainda "muitas notas de 20 para distribuir por professores, assim os encontre por aí, que nas escolas é cada vez mais difícil". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário