quarta-feira, 22 de maio de 2013

Extrema direita sacrifica-se no altar de Cristo

Um ensaísta francês de extrema direita suicidou-se em pleno interior da catedral de Notre Dame, em Paris, por discordar, entre outras coisas, da aprovação recente do casamento gay em França. De uma coisa não se pode acusar Venner: de falta de coerência! Nem quero imaginar o que teria feito Dominique Venner se tivesse sabido da co-adopção por parte de casais homossexuais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário