segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Stand-up para um humorista magro...

Quando me perguntam se eu tenho alguma coisa contra os gordos, eu digo logo que:

- Não, nem pensar, nada contra! Desde que não joguem futebol na mesma equipa que eu... tudo bem!  Ou desde que não ganhem mais, a vender viagens e electrodomésticos em concursos de televisão, que o primeiro ministro a fazer "aquilo" que ele faz...

De resto, nada contra!
 
Eu sei o que é que vocês estão a pensar: que o apresentador do "Preço certo em Euros" até é muito simpático, e tem muito jeito a apresentar "aquilo" e que o Passos Coelho nem para "aquilo" dava, quanto mais para "aquilo" para o que a gente o elegeu... É assim, eu estou cada vez mais farto dessa ideia feita de que os gordos são sempre pessoas muito simpáticas e divertidas. Tenho três nomes para vocês e, depois, falamos: Yokozuna Harumafuji, campeão de Sumo, Miss Piggy e o tipo que protagoniza o pecado da gula, no Seven... Penso que estamos esclarecidos relativamente à simpatia dos gordos! Os gordos não são, por norma, simpáticos! No máximo, os gordos são, por norma, gordos! Os gordos, por norma, têm uns quilos a mais... Isso, 'tá bem... Agora, os gordos são simpáticos! Isso são os camionistas! Isso 'tá bem: os camionistas são, por natureza, simpáticos! Isso sim! E têm gosto! E penduram-no em lindos calendários! Quem nunca teve uma experiência kantiana do sublime dentro de uma cabine de um camião que atire a primeira pedra!
E vocês, que adoram atirar pedras:

- Ah, mas o Fernando Mendes vale o peso dele em ouro!

Ah, então exportem o apresentador do Preço Certo em Euros, que sempre dá para equilibrar a balança comercial! Ainda deve dar umas barritas!...

- Ah, e o interior da pessoa não conta?

Então não conta?! Com o interior faz-se uma canja e não se perde nada! E sempre se poupa ao erário uns milhares de euros por mês! Para além de aumentar as exportações, que é uma coisa que confere uma certa excitação ao olhar de Vítor Gaspar, habitualmente tão autómato e inexpressivo! É assim, só de gordos conheço uns 15 que estão prontos para um casting de apresentador do Preço Certo! E não pedem muito: umas senhas de cantina da RTP, desde que estejam sentados na mesma mesa que a Lenka numa altura do ano em que ela não esteja de esperanças, e já se dão por contentes! Já imagino o Gaspar numa excitação só! E não é por causa da Lenka!

É assim, não pensem que encaro este assunto de ânimo leve!...

(Subitamente, o seu semblante muda e ganha uma seriedade inusitada)

Eu tinha um filho...

(Comprime os lábios, como se quisesse segurar as lágrimas)

... Mas um dia ele...

Engordou! No início, eu e a minha mulher agarramo-nos à esperança de que iria conseguir ultrapassar, seguimos vários tratamentos, fomos a diversos especialistas... Mas acabamos por ter de enfrentar a dura realidade:

O nosso filho de 8 anos era um "badochas"! Já não era o meu filho, era um urso polar!

Tive de o pôr fora de casa! Claro! No início, o que nos safou foi o apoio dos nossos amigos! Sobretudo, daqueles cujos filhos continuaram magros e a fazer os catálogos da La redoute...

(Comprime os lábios)

Foram eles que me seguraram! Que não me deixaram cair! Que me emprestaram os filhos deles para eu passear no parque...

Agora tenho de ir! Este assunto ainda é muito difícil para mim!

Boa noite a todos!

Guião para stand-up comedy
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário