quinta-feira, 28 de junho de 2012

Voodoo

Ao que consegui apurar, Michel Platini viu o jogo de Portugal-Espanha com um bonequinho do Ronaldo, feito de pano, escondido na mão. Sempre que o avançado português acelerava um pouco mais, este conhecido consultor da Fitch picava o boneco do craque português em diferentes partes com uma agulha, causando-lhe dores extremas, tal como comprova a imagem que se segue (por acaso, não comprova porque não há imagem, mas se houvesse, comprovava-se!), em que Cristiano pede a Platini para arreter avec la connerie, que é como nós, os intelectuais franceses, por um lado, e os consultores franceses da Fitch, por outro, dizemos: parar com a estupidez! Apesar do voodooismo ser uma tecnologia já muito antiga, só muito recentemente entrou para a metodologia dos consultores financeiros, nomeadamente, dos consultores da Fitch.  Pelo número de ós, dá logo para perceber que é uma técnica ganhadora (o número de ós dá um ar nórdico a uma cena africana, o que só por si, me causa uma pequena erecção. Alguns de vocês, que já viram alguns dos meus filmes, dirão que outro tipo de erecção também não seria possível, mas isso é porque vocês não foram a sessões 3D da minha filmografia, que até tinham de se desviar!), o que acabou por se confirmar com a vitória da Alemanha, ontem, no jogo que opôs Portugal a Espanha. Confusos? É a vida... Tivessem ingerido menos cerveja ontem e hoje tudo seria muito mais fácil! Assim... (Pausa para fazer chichi. Ok, vamos lá continuar...) A alemanha venceu ontem o Euro e apresta-se agora para conquistar o Dólar, um plano maquiavélico que contempla muitas cenas que por falta de tempo não posso estar agora para aqui a explicar. Entretanto, e para manter a crónica no tema do futebol, tão rico em cálcio e sais minerais, regista-se um empate entre o candidato Mormon às eleições americanas e o outro. Da última vez que se registou um empate técnico nas eleições americanas, ganhou o Bush filho. Portanto, o melhor se calhar era irem testando as correntes eléctricas, que é para não haver falhas na hora de se administrar a justiça no país da liberdade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário