segunda-feira, 23 de abril de 2012

Está a andar de bicicleta

Hoje é aquele dia que incuba o resto da semana? (Espanto) Ena, caramba, incubar a chover é muito perigoso porque o piso está escorregadio e um gajo ainda passa a estatísticas de verão da guarda nacional republicana. Mas vocês é que sabem, uma pessoa avisa porque é cristã e acredita que temos de ser uns para os outros, mas mais do que isto não posso fazer. Uma dúvida: o que é que se faz às pessoas que morrem e são (eram) nossas amigas no facebook? Mandem as respostas aqui para o e-mail do programa ou façam um bike na nossa página do facebook. Por falar em dias, o que são os dias?! Postas deprimentes mal passadas em cima de postas deprimentes mal passadas. Só há uma forma de isto não ser assim: colorir livros de colorir. Agora digam a última frase cinco vezes. (Esperar uns segundos) Agora digam lá que não estão prontos para a junta médica psiquiátrica?! (Pausa) Não falha: acabamos a trocar os erres pelos eles e a falar como o Badaró. Há ainda uma forma alternativa de dar alguma cor à vossa triste existência: imaginar com muita força que o leitãozinho que alapa no sofá todas as noites e reage nervosamente às palavras "querido" ou "godinho" vai deixar de cantar como um desalmado "os maridos das outras", porque ter pena de nós próprios tem um limite e chama-se ser professor. Se o vosso leitãozinho for professor, nesse caso, assem-no e sirvam-no acompanhado de vinho frisante. Por falar nisso, o alto comissário para os refugiados da ONU, António Guterres convidou Angelina Jolie para visitar um campo de refugiados no Equador. Enviar a Angelina Jolie para um campo de refugiados não me parece mal, sobretudo, se nos colocarmos na perspectiva de um refugiado. Que mais poderá querer um refugiado, pergunto-me eu?! Ostras? O António Guterres sempre nos habituou aos princípios humanistas da esquerda socialista. Consta que Angelina chegou ao campo ao som de vangelis e que os efeitos especiais ficaram a cargo da JS (em maísculas, que assim eles sentem que já são crescidos). Enfim, pela minha parte estou refugiado no Marriott, aos campos elísios, não tem nada que enganar. O avião faz um bocadinho de pó ao aterrar, mas quanto ao resto é só mordomias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário